O 1º acampamento a gente nunca esquece: Dicas importantes e práticas

Depois de muito tempo planejando, Lucas e eu finalmente resolvemos acampar sozinhos pela primeira vez, sem ajuda de amigos ou de cafés damanhã prontos, e refeições em restaurantes… Agora era nós mesmos ou nada!

A ideia pode apavorar muita gente mas é simplesmente uma das experiências mais incríveis que você pode ter com um parceiro ou até mesmo sozinho.

Pra garantir nossa segurança, já que não tínhamos muita experiência, escolhemos um camping e apostamos na ideia que lá não tivesse nada além de um solo macio para fincarmos a barraca.

Itens que levamos:

– Roupa de frio e calor
– Coberta
– Isolante
– Colchonete de Casal
– Miojos e mais miojos
– Enlatados (milho, ervilha, sardinha, atum)
– Biscoitos e mais biscoitos
– Refrigerantes
– Lona para baixo da barraca e lona com ilhóis para por em cima
– óleo, azeite, temperos
– café e mini máquina de fazer café
– fogão e gás minis
– chicletes e balas
– itens de higiene
– remédio
– esponja
– faca
– kit de panelas
– bolsa térmica
– câmeras, celulares, carregadores
– conjunto 4 em 1: garfo, faca, colher e abridor de garrafas
– tripé
– guarda chuva
– cordas
-sacolinhas

Coisas que esquecemos e que você precisa levar:

– Chinelo
– Meia
– Detergente
– protetor solar
– repelente
– travesseiro (só se caso não queira usar a mochila como travesseiro)
– sabão em pó ou sabão de coco
– esponja de aço

Principais Dicas:

1- Coisas a mais ou a menos: Marinheiro de primeira viagem não é fácil né gente, sempre leva coisas a mais ou a menos, no nosso caso foi as duas coisas, levamos roupas a mais e calçados a menos! Em 1 dia usamos apenas 2 peças de roupa, a que que fomos usando e uma para trilha! Ou seja por aí você pode ter uma base! Roupas de trilha SEMPRE sujam, ou seja depois da trilha você vai querer lavá-las e não vai querer nem por barrenta na mochila – por isso é bom trazer um pouquinho de sabão em pó ou de coco – assim você já lava e a lama fresca saí mais fácil e você ja poem no varal (com as cordas da lista) para secar e no dia seguinte, e logo logo vai estar sequinho se o dia estiver ensolarado é questão de minutos, mas não vai esquecer no varal descoberto e dormir, se chover você terá que lavar de novo!

2- Nunca esqueça o calçado extra ou o chinelo: Galera, nunca mas nunca esqueça o calçado extra ou chinelo! kkkkkkk O que tivemos que fazer acabou sendo muito engraçado no final das contas… Fomos apenas com um tênis pro tranco! No primeiros minutos até aí tudo bem, quando abrimos a mochila, cadê o chinelo? ficou em casa! Ahh não tem problema, vamos ficar de tênis e só tiramos quando formos entrar na barraca… Mas aí que morava o problema genteeeeee! Você toooooooooda hora entra e sai da barraca! Ou seja é um tira e poem danado, e se você tiver acampando com chuva ainda, que foi o nosso caso, o tênis fica todo lambrecado, ou seja se você não suja os pés suja a mão ao tirá-lo! kkkkkkk foi cômico! Então tivemos uma ideia: vamos fazer calçados de sacolinhas! Foi isso que fizemos envolvemos 2 sacolas nos pés andávamos na grama molhada com elas e tirávamos ao entrar na barraca! enquanto isso nosso único tênis e par de meias foi pro varal secar pra usamos no dia seguinte na trilha… Os inocentes aqui acharam que a trilha só teria terra seca, mas tivemos que atravessar desde lamaçais à rios e cachoeiras… Ou seja, quando voltamos da trilha novamente tivemos que usar calçados improvisados de sacolas pras nossas meias e tênis secarem… Até que o sol estava bem forte e decidimos andar descalços com aflição do abafamento das sacolinhas. Resumindo: tínhamos que pegar uma caneca toda hora com água pra lavar o pé antes de entrar na barraca e secá-los bem! Então pessoal, já deixem o chinelo ou calçado extra dentro da mochila, pois é isso que vamos fazer!

3- A solução para as chuvas: Lonas! Nessa acertamos em cheio! ficamos sequinhos a noite inteira, mesmo a grama molhada e a noite toda chovendo! Uma para você estender embaixo da barraca (aconselhamos dobrada no meio), e uma com ilhós para você amarrar em galhos ou árvores próximas da garrafa. Ficamos além de muito quentinhos sequíssimos! Então galera, leve sempre lonas junto com você quando for acampar, vai que o tempo muda de uma hora pra outra. Ahhhh, e se tiver muitooooo quente você também pode usá-las para sua barraca não ficar quente demais! Em sol intenso elas podem proteger e evitar o calor do solo passar para a barraca (mesmo com isolante, vai proteger mais), e também pra não sofrer de calor com aquele raio intenso de calor que não deixa nem você você abrir os olhos! rsrs Vale a pena!

4- Guarde caixinhas de tic tac: Se você é consumidor de tic tac ou qualquer outro produto que tenha caixinhas pequenas como, guarde-as! Ou você pode comprar em lojinhas de 1,99, mas tem que ser bem vendadas viu? Essa é a melhor dica para você poupar espaço! Nós levamos óleo, azeite, temperos, tudo em vidros de azeitonas, palmitos e nas próprias embalagens de saquinhos deles. Porém não aconselhamos pois além de pesados esses vidros, em grandes quantidades, eles ocupam muito espaço! Já o problema com as próprias embalagens é que por exemplo queijo ralado, certamente você vai consumir todo! Hahaha porque é uma delícia e você vai por em tudo! Mas orégano, pimenta em pó, coisas que você apenas usa pequenas pitadinhas, se você levar aquele saquinho todo de mercado além de não usar ele todo, vai precisar de algo para vedar bem eles e vai trazer provavelmente ele pra casa depois. Para poucos dias de acampamento, use caixinhas leve de plástico com tapinhas e para grãos que você faz mais uso como café e açúcar a melhor opção é por em saquinhos transparente com lacre, assim alem de poder levar grandes quantidades e poder saber o que é pela sua transparência, depois de consumir tudo e quiser lavar eles e reutilizá-los, é só limpar e guardar na mochila que você nem vai perceber seu peso!

5- Vamos falar sobre colchonetes: Eu e o Lucas, nunca fomos frescos para dormir, nós dormimos em qualquer coisa ou qualquer lugar… Mas se temos uma dica valiosa pra dar, é que aqueles colchonetes com estampa militar ou azul com temas não é nada confortável para dormir. Até o colchão inflável ganha deles (e olha que também não somos fãs deles também não)… Consideramos nossa barraca e isolante boas em questão de função, porém esse colchão em função dormir, ele falhou tremendamente. ficamos com dores no corpo porque sentíamos a dureza do chão, e nos virávamos a noite inteira a procura de uma posição confortável, Se ele fosse o dobro da espessura que é, acreditamos que já ia melhorar. Provavelmente você encontre ele para vender em uma espessura maior, então não pense 2x em investir! Não saia comprando o mais fino pois é como se não estivesse usando nada! Provavelmente vamos reaproveitá-lo em outra coisa e comprarmos um melhor, e faremos um review pra vocês daquele que acharmos adequado! Estaremos a procura do colchonete bbb: bom, bonito e barato (na verdade nem precisa ser bonito desde que possamos ter uma boa noite de sono).

6- Com quantos lugares escolher uma barraca? SEMPRE escolha uma barraca com 1 lugar a mais do que você vai ocupar. Nós cometemos o erro de adquirir uma barraca de 2 lugares. vocês devem estar pensando: Mas se é a Cibele e o Lucas, porque não uma de 2 lugares? Agora vem a grande descoberta: a verdade é que de dia ela é ideal, afinal pode guardar suas mochilas e pertences de valores dentro dela e ir desbravar o mundo! Mas chegou a noite que você tem que dormir com as suas coisas ainda dentro dela, falta espaço! Hahaha a gente usa as mochilas como travesseiro por preferência, não fazemos questão de travesseiro, já que as roupas deixam a mochila fofinha, mas mesmo assim, ter que dormir com tripés, câmeras fotográficas, drone, o tal tênis/chinelo extra que não levamos, carregadores e fios que não podem se perder, entre outros… Pensa! Hahaha. Então se ainda não adquiriu sua barraca sempre escolha 1 lugar a mais. 2 já é exagero e vai pesar sua aventura. 1 lugar a mais é o suficiente pessoal. Ou seja, se você é sozinho compre barraca de 2 lugares, se é um casal, compre de 3 lugares, se tem é casal e tem um filho pequeno, de 4 lugares… e assim sucessivamente!

7- Não é nada legal ficar inchado… Se você é como eu sempre abre mão de repelente e protetor, saiba que pela última vez aprendi a lição de nunca mais fazer isso… Eu tava me achando a tal com minha calça de ginástica até os pés! “Vou voltar slim pra casa, lisinha sem mordida!” Rá, foi aí que me enganei! Estava sentindo uma coceirinha no tornozelo, quando cheguei em casa que fui tirar a calça, meus 2 tornozelos estavam inchadíssimos, o mais estranho que eu não sentia nem dor nem cansaço neles! Foi aí que passei alcool e mergulhei-os em água quente. Quando tirei, doía muito para pisar no chão e andar. Conclusão: esses mosquitinhos e pernilongos SEMPRE vão dar um jeito de morder você! Não sei que super poderes eles tem, mas você nunca vencerá um duelo com o homem formiga, quem dirá com os bichos que voam!

8- Enlatados é vida! Não tem nada melhor que enlatados pessoal! Além de alguns serem pré cozidos, ou já estarem prontos pra consumo, você prepara rápido uma refeição depois de um dia cansativo de trilha e se alimenta bem! Sem contar que há uma grande variedade de preços e leguminosos!

9- Tire proveito do que tem na natureza! Tivemos a sorte de acampar num camping que tinha limão galego e laranjas. Ahhhhh, não tem coisa mais gostosa que isso! colher do pé (sem desperdício) e fazer um suco gostoso do pé! Abrimos mão dos refrigerantes e até voltamos pra casa com algumas latinhas. Além de saudável, aprendemos a valorizar o que tem na natureza e fazer uso com consciência dela! a gente só colhe das árvores o que vamos realmente consumir, sempre pensamos no próximo que poderá ter essa oportunidade como nós! E nada de colher nada que está muito novinho ou recém se formando, pois além de você ter uma experiência azedinha, pode prejudicar o desenvolvimento da planta. E antes mesmo de colhermos das árvores sempre observamos se as frutas do chão estão boa para consumos, muitas não entraram em estágio de decomposição e caíram do pé no mesmo dia e estão aptas para consumo! Lavamos e fazemos uso! Fica a dica!

10- Esfrega, esfrega. Ficamos orgulhosos de não ter esquecido a esponja, a sorte é que apesar de ter esquecido o detergente, conseguimos emprestado. Achamos que a esponja iria dar conta, pois somos daquele tipo de pessoa que acaba de comer e já lava os pratos e talheres pra já ficar livre quando precisar usar. Ou quando temos algo para fazer colocamos água com detergente nos utensílios e depois lavamos facilmente. Mas não contávamos com uma coisa: que iríamos queimar a pipoca! Sou fanática por pipoca! O Lucas também gosta bastante! Então jamais pensamos que de todas as comidas a que tínhamos mais prática iria queimar! Haha! O Lucas comprou um fogareiro portátil para nós e era nossa primeira vez usando ele! Colocamos a pipoca, o óleo na panela e ficamos mexendo todo minuto. O problema que é que subestimamos o fogo desse tipo de fogareiro, por ser pequeno e estar em fogo baixo deixamos a panela nele, o resultado: em 1 minuto as pipocas ficaram prontas e queimadas! O cozimento nele de qualquer coisa é muiiiiiiiiiiiiiiito rápido pessoal! Mesmo em fogo baixo! incrível! Ou seja para fazer a pipoca o ideal seria segurar a panela acima do fogo e não deixar ela apoiada mesmo mexendo de vez em quando! As pipocas do fundo ficaram todas queimadas, mas não desperdiçamos: comemos as pipocas da superfície e só jogamos fora as queimadas. Na hora de lavar que foi o problema e choramos de saudade da esponja de aço! a esponja tirou o máximo que pode! Mas as manchinhas escuras das pipocas que grudaram só foram retiradas em casa com a esponja de aço! Como é um item leve que não ocupa espaço, achamos que vale a pena você levar quando acampar!

Esses foram os erros e acertos do nosso primeiro acampamento sozinhos! Muitos virão pela frente e iremos cada vez mais aprender o que estamos acertando em cheio e o que podemos abrir mão! Esperamos ajudar você com essas dicas e nossa experiência!

Se você já acampou conte para nós como foi a sua 1ª vez!
Se ainda não acampou quais são suas expectativas e dúvidas? Escreva nos comentários e vamos conversar!

acampamento, acampar, aventura, barraca, caixinhas, calçado, camping, chinelo, colchonete, comida, detergente, dicas, enlatados, esponja, experiência, fogareiro, gás, importante, isolante, lembrar, lembretes, lona, meias, miojo, mochila, mochilão, natureza, protetor solar, repelente, roupas, sabão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *